A vida sexual da mulher e o pompoarismo

Por questões fisiológicas, muitas mulheres sofrem com alguns problemas como incontinência urinária, cólicas durante a TPM, sintomas da menopausa, sensibilidade genital e até dores durante o sexo ou dificuldades com o orgasmo. Muitos desses assuntos são bem delicados e uma espécie de tabu, mas a verdade é que eles têm um papel muito importante na saúde e felicidade de absolutamente todas as mulheres.

No post de hoje, a gente vai falar de treino, mas de um treino um pouco diferente, porque é um treino que pode ajudar as mulheres a reduzir ou até curar os problemas que citamos e ainda melhorar muito a vida sexual. Além de explicar o que você deve fazer, vamos dar dicas que podem melhorar a sua saúde íntima. E sabe qual é a resposta para tudo isso? É o chamado pompoarismo.

Se você é um homem e acha que esse artigo não tem nada a ver com você, pense que depois de ler isso você vai poder ajudar sua amiga, namorada, esposa, mãe, tia ou vizinha a conhecerem melhor o corpo delas e entenderem a importância da saúde íntima. Segundo Cátia Damasceno, fisioterapeuta especializada em uroginecologia e a maior referência do Brasil no assunto, o pompoarismo, também conhecido como ginástica íntima ou exercício de Kegel, “é uma técnica que ajuda no fortalecimento da musculatura da vagina e oferece vários benefícios para as mulheres.”

O que é pompoarismo?

power blue funcionaA maioria das pessoas que conhecem o pompoarismo acham que essa técnica só serve para a melhora do desempenho sexual, e isso é verdade: com ele é possível controlar e melhorar a qualidade dos orgasmos, além de aumentar a libido e a consciência sexual. Mas não para por aí! O pompoarismo pode reduzir os sintomas da menopausa, regular os ciclos menstruais, facilitar o parto normal, melhorar o funcionamento do intestino e reduzir a incontinência urinária e a flacidez vaginal.

O pompoarismo tem como objetivo aumentar a consciência corporal e sexual da mulher e regular a sua saúde íntima, proporcionando mais saúde e prazer além de aumentar a confiança e auto estima da mulher. Tudo bem, a gente sabe que parece mágica… E agora você deve estar se perguntando como tudo isso acontece; Acontece fortalecendo os músculos e aumentando a irrigação sanguínea do canal vaginal.

O pompoarismo se baseia no reconhecimento da musculatura íntima, ou assoalho pélvico. O assoalho pélvico é formado por mais de 10 músculos (são exatamente 13), fáscias e ligamentos que formam uma rede de sustentação dos órgãos localizados na cavidade pélvica: bexiga, uretra, útero e reto. Essa estrutura fica entre o osso púbis e o cóccix, e é ela quem deve ser trabalhada. Tá, mas como você pode trabalhar toda essa musculatura?

Da mesma forma que se trabalha qualquer músculo: através de séries de contrações musculares com intervalos entre elas. Se você quer começar a praticar e experimentar essa técnica, a dica é acessar o site da Cátia Damasceno que ela explica direitinho o que você deve fazer para praticar o pompoarismo da maneira correta, atingindo resultados sem prejudicar a sua saúde.

E se é tão bom assim a última pergunta é quem deveria fazer o pompoarismo? Bom, essa técnica é recomendada a todas as mulheres sexualmente ativas, tanto como prevenção dos problemas que mencionamos antes, quanto como tratamento de alguma disfunção leve. Ou seja: é uma técnica simples, sem efeitos colaterais, dá pra fazer rapidamente todos os dias e a lista de benefícios pode ser imensa.

A gente falou muito sobre os benefícios que o pompoarismo pode ter para as mulheres, mas alguns estudos apontam que os homens também podem se beneficiar dessa prática. O Exercício de Kegel poderia ter relação com a redução da incontinência urinária, disfunção erétil e até mesmo da ejaculação precoce, mas ainda não existe comprovação científica sobre isso, confira mais sobre isso aqui.

E aí? Vocês já conheciam o pompoarismo? Sabiam sobre todos os benefícios que essa prática pode trazer para as mulheres? Já chegaram a fazer exercícios de fortalecimento da musculatura pélvica? Contem para a gente nos comentários! E é isso aí! Forte abraço e até a próxima!

Leave a reply

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>